23 de out de 2012


Equipe UCA-CE promove I Seminário UCA Ceará. Confira mais informações no site!

A Equipe UCA Ceará promove nos dias 8 e 9 de novembro o I Seminário UCA Ceará, que será realizado de 8h às 17 h, na Universidade Federal do Ceará (UFC), e está aberto à participação de gestores, professores e multiplicadores das escolas UCA do Ceará.
O Seminário visa promover a troca de informações e conhecimentos gerados nas escolas cearenses participantes do Projeto Um Computador por Aluno (UCA). O evento comemora os dois anos de atuação do UCA nas escolas contempladas e amplia a discussão sobre a Informática na Educação e a utilização de recursos educacionais digitais na prática pedagógica.
A programação contará com a apresentação de artigos, relatos de experiência e apresentação de painéis de modo a divulgar as práticas pedagógicas apoiadas pelo laptop educacional nas escolas cearenses.

Escola Estado do Paraná promove Mostra Cultural


A Escola Estado do Paraná, em Fortaleza, promoveu nos dias 20 a 22 de setembro a Mostra Cultural 2012. A programação do evento contou com apresentações culturais, experiências científicas, exposições de vídeos e slides, além de oficinas que abordaram a confecção de brinquedos com material reciclado; a confecção de uma cartilha sobre a Dengue, entre outras temáticas. Os professores e alunos da escola utilizaram os laptops educacionais do Projeto UCA para auxiliar as atividades programadas.
Curso Tecnologias na Educação- Ensinando e Aprendendo com as TICs


Professores, funcionários e gestores da escola, estão participando do CURSO TECNOLOGIAS NA EDUCAÇÃO.Um dos objetivos do curso é compreender o potencial pedagógico dos recursos das TICs no ensino e como utilizá-las na prática pedagógica  para o  desenvolvimento da aprendizagem dos alunos.

O curso compreende momentos presenciais e de estudo a distância e  terá duração de quatro meses. Serão desenvolvidas quatro unidades de estudo e prática. Cada unidade possui um encontro presencial.
Na programação dos trabalhos presenciais haverá oficinas, trabalhos em grupo, apresentação em fóruns de discussão no ambiente eProinfo.
O curso está sendo ministrado pela professora Raquel Gondim.




Oficina de WebQuest na Escola Estado do Paraná


A Escola Estado do Paraná está trabalhando neste mês de setembro o conteúdo WebQuest, que é uma metodologia de pesquisa na internet que incentiva a pesquisa e o pensamento crítico. As professoras do NTE, Kalina Barroso e Catarina Tavares, estão a frente da oficina “WebQuest na escola” que apresenta o conceito de WebQuest e seus objetivos, que são: promover a aprendizagem colaborativa, incentivar a criatividade e favorecer o trabalho de autoria dos professores e alunos. Além disso, propõe aos professores a elaboração e aplicação de uma WebQuest com seus alunos.
Em muitos casos, os professores têm dificuldades em integrar a pesquisa na internet durante as aulas, pois raramente existe uma sistematização da atividade pretendida. Como não se tem uma orientação precisa para que o aluno desenvolva a atividade, as pesquisas apresentam uma grande diversidade e disparidade de informações que têm como consequência o insucesso no uso das potencialidades da internet. Assim, é importante conhecer outras estratégias de trabalho orientado como o Webquest, no sentido de desenvolver e ajudar os alunos na descoberta e aquisição de conhecimentos em meio ao mar de informações encontradas na web.

3 de out de 2012

Redescobrindo a História no Sabor da Língua

 O século XIX invadiu o final da tarde de 16 de agosto na E.E.F.M Estado do Paraná. Entre músicas, valsas, recital de poesias e discussões políticas da época do Romantismo brasileiro, circularam duas figuras que serviram de anfitriões da festa: Castro Alves e uma jovem de nome Liberdade. Destacaram-se os casais da valsa, onde os rapazes postaram-se como verdadeiros cavalheiros ao se dirigirem às jovens, ao deslizarem dançando e ao declamarem para elas poemas românticos depois conduzi-las às mesas. Outro grande destaque para o escravo que invadiu o sarau recitando o poema: ERA REI SOU ESCRAVO, de Milton Nascimento. O encerramento deu-se com com todos presentes numa grande ciranda na voz de Elis Regina.


Direção: Mara Aquino

Apoio: Centro de Multimeios e LEI









Redescobrindo a História no Sabor da Língua